Cientistas encontram quase 8 mil fórmulas diferentes em cervejas


A química básica da fermentação é bem compreendida pela humanidade. É por isso que fabricamos cerveja há milênios.

Agora, graças a técnicas avançadas, os cientistas continuam a aprender mais e mais sobre os diversos compostos químicos que resultam em diferentes tipos da bebida. 

Recentemente, cientistas da Alemanha identificaram quase 8 mil fórmulas químicas diferentes e dezenas de milhares de moléculas únicas em 400 cervejas comerciais de 40 nações.

As informações foram divulgadas em um artigo publicado no periódico científico Frontiers in Chemistry.

O feito foi alcançado pelos alemães através de um novo método que consegue analisar uma amostra de cerveja em apenas 10 minutos — com a combinação de duas técnicas de espectrometria de massas.

A análise é a mais profunda já feita da impressionante diversidade química de estilos populares de cerveja.

A cerveja é um exemplo de enorme complexidade química“, enfatizou o coautor do estudo, Philippe Schmitt-Kopplin, da Universidade Técnica de Munique



LEIA MATÉRIA ORIGINAL

Leia Mais

Relacionadas