perdas por conta da seca chegam a R$ 1 mi por hectare no RS

A Emater-RS divulgou nesta sexta (14) um boletim dos efeitos da estiagem nas principais atividades agrícolas do Rio Grande do Sul. A quebra de milho é a mais severa no estado. Em alguns municípios, as perdas chegam a 100%.

“Se hoje o estado perder um saco de soja por hectare, é um milhão que nós perdemos por saca, porque são 6 milhões e trezentos mil hectares no estado”, pontua o diretor técnico da Emater-RS, Alencar Rugeri.

O levantamento também abordou outros impactos na produção agrícola. O milho colocou os gaúchos na situação mais extrema: mais de 90 mil produtores rurais foram fortemente afetados, seguido da soja e do milho silagem. No estado, 207 mil propriedades e mais de 10 mil famílias foram prejudicadas pela falta de água.

LEIA MATÉRIA ORIGINAL

Leia Mais

Relacionadas