Como vai ficar o tempo em julho em todo o Brasil? Confira a previsão

O mês de julho é naturalmente mais seco em boa parte do Brasil, e não deve ser diferente neste ano. De acordo com Maria Clara Sassaki, meteorologia da Climatempo, no geral, grande parte do país deve ter chuva dentro ou abaixo da média, mas nunca traz grandes volumes acumulados.

O Rio Grande do Sul é a exceção nesse cenário, com boa probabilidade de chuva em julho e acumulados acima do normal. Paraná e Santa Catarina estarão mais secos do que a média, mas não totalmente, pois há chuvas previstas ao longo do mês, embora abaixo da média climatológica.

No Sudeste e no Centro-Oeste, o predomínio será de tempo seco, com chuva entre a média e abaixo dela. O extremo Norte e a costa do Nordeste permanecem com bastante umidade.

Início de julho

No primeiro dia do mês, a expectativa é de tempo firme e ensolarado em grande parte do Brasil. A presença do ar seco deixa muito baixa a umidade relativa do ar, principalmente em áreas do Centro-Oeste, Sudeste e no Matopiba. Nessas regiões, aumenta bastante o risco de focos de queimada, com temperaturas mais elevadas principalmente à tarde.

Chove ainda na costa do Nordeste e no extremo Norte do Brasil.

As temperaturas no Sul já estão baixas por causa da presença de uma massa de ar polar. Já não há mais chance de geada em grande parte da região. Contudo, no topo das áreas serranas, no interior de Santa Catarina e nos pontos mais altos do Paraná ainda há condições para geadas pontuais.

Nos próximos sete dias, grande parte do Brasil ainda estará sob domínio de uma massa de ar mais seco. Também serão mantidas as chuvas na costa do Nordeste e na faixa norte do país.

As pancadas também atingem o Rio Grande do Sul, onde haverá estabilidades e frentes frias que avançarão pelo estado. Nesse período, o acumulado de chuva deve somar mais de 80 ou 90 mm, principalmente na região centro-sul do estado.

Na costa do Nordeste, o solo já está encharcado e deve continuar chovendo nos próximos sete dias. Portanto, há potencial para transtornos e chance de deslizamentos de terra, assim como excesso de água em áreas de cana de Pernambuco.

Segunda semana

De 8 a 15 de julho, ainda há tempo seco na maior parte do Brasil. A chuva perde força no Rio Grande do Sul, mas avança também para áreas de Santa Catarina e do Paraná.

“Lembrando que essa chuva acaba atrapalhando áreas do plantio de trigo, porque o solo está muito encharcado, principalmente no Rio Grande do Sul. Segue também a previsão de chuva na costa leste do Nordeste e no Norte”, alerta a meteorologista.

LEIA MATÉRIA ORIGINAL

Leia Mais

Relacionadas