Bolsonaro defende criação de tilápias no lago de Itaipu

Nesta quarta-feira (24), o presidente Jair Bolsonaro defendeu a criação de tilápias no reservatório da hidrelétrica de Itaipu, na região Oeste do Paraná, fronteira com o Paraguai.

“Demos mais um passo na questão de criação de tilápia no lago de Itaipu. Isso passa pelo parlamento do Paraguai, onde há uma enorme boa vontade. Caso isso se concretize, o Brasil pode aumentar em até 40% a quantidade de pescado. Um trabalho que vem sendo muito bem conduzido pelo nosso secretário da pesca, Jorge Seif”, disse Bolsonaro, depois de um encontro com o presidente do Paraguai, Mario Abdo Benítez , no Palácio do Planalto.

Ainda segundo Bolsonaro, o Paraguai, por ser um país menor, “não tem tanta água como o Brasil” e que o projeto tem potencial para multiplicar “por algumas dezenas de vezes a produção de tilápia naquele país”.

A administração de Itaipu é dividida entre Brasil e Paraguai.

Foto: Wenderson Araujo/CNA

O presidente brasileiro também enalteceu a colaboração do Paraguai com o combate ao crime organizado na fronteira e disse que o intercâmbio comercial entre os países vai ficar cada vez melhor.

Tilápia

A ideia de criar tilápias em reservatórios de hidrelétricas não é nova. Em 2020, o presidente Bolsonaro publicou nas redes sociais um poste sobre o assunto.

“O Brasil possui 73 lagos de hidrelétricas sob administração federal que podem servir para o cultivo de até 3,9 milhões / ton / ano”, escreveu Bolsonaro.

O secretário da pesca, Seif Júnior, complementou: “hoje, todo o Brasil produz 320 mil toneladas / ano. O potencial, somente de Itaipu, é de 400 mil ton / ano”.

LEIA MATÉRIA ORIGINAL

Leia Mais

Relacionadas