Posse de Moraes no TSE poderá ter presença de Bolsonaro e Lula

Presidente e petista estão na lista de convidados para a solenidade, que acontecerá na terça-feira, 16, às 19h em Brasília

Carlos Moura/SCO/STFMoraes assumirá a presidência da Corte, enquanto Lewandowski será vice

A posse do ministro Alexandre de Moraes como presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), na terça-feira, 16, pode reunir no mesmo espaço o presidente Jair Bolsonaro (PL) e o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT). Os dois estão na lista de convidados, que incluem ex-presidentes, ministros, parlamentares, advogados e artistas. Ainda não foi confirmado oficialmente se o petista comparecerá ao evento. O presidente Jair Bolsonaro, por sua vez, confirmou que irá à posse de Moraes. A resposta foi dada após o ministro ir ao Palácio do Planalto na última quarta-feira, 10. Segundo interlocutores, a conversa, que durou quase uma hora, foi selada com um presente de Bolsonaro a Moraes: uma camisa do Corinthians. Moraes assume a presidência da Corte Eleitoral na terça-feira e a solenidade está marcada para as 19h. No mesmo dia, Ricardo Lewandowski será empossado vice-presidente do tribunal. Eles serão responsáveis por conduzir as eleições deste ano.

*Com informações do repórter Victor Hugo Salina



LEIA MATÉRIA ORIGINAL

Leia Mais

Relacionadas